Eu odeio você

Por Débora Mendes Publicado em: 14 de junho de 2016 às 13:00.

Tags: odeio, voce,

Texto da colunista Débora Mendes

Odeio o jeito que ele é pessimista!

 

Ele que tem tanto medo de se arriscar, sempre espera que no caminho alguma coisa dê errado, se deixou levar pelo meu otimismo. Assim vamos um guiando o outro, ele sempre preparado para dar nós nas pontas soltas das minhas aventuras e eu sempre desfazendo suas amarras desnecessárias.

 

Odeio aquele tênis velho que ele insiste em usar!

 

Os anseios dele não o deixa mudar o corte de cabelo, não deixa ele abandonar o tênis antigo e o faz deixar a barba um pouco maior do que eu considero o ideal. Mas ele já me deixou escolher seu barbeiro e me levou para ajudar na hora de comprar roupas.

 

Odeio quando ele nega sorrir para mais uma foto!

 

Ele não entende que não gostei das outras onze fotos, que preciso que ele dê mais um sorriso. Na verdade, ele é capaz de guarda os momentos dentro dele, sabe cultivar as lembranças de uma forma que ainda não aprendi.


Eu odeio cada vez que ele dúvida de mim  e me faz questionar minhas verdades, odeio a forma que ele tenta me ensinar a controlar meu dinheiro, odeio quando ele não me deixa beber coca cola no café da manhã. Ele não é meu oposto que me completa, ele é alguém cheio de defeitos que veio pra me ensinar e me transformar em alguém melhor, que me faz transbordar! Porque mais uma vez o clichê é a verdade em poesia, a gente ama alguém de verdade quando aceita seus defeitos e falhas, porque amar pelas qualidades é muito fácil.

Deixe seu comentário



Assista aos programas