Gavetas de histórias... Paixões de Aluska

Por Nuna Costa Publicado em: 29 de outubro de 2015 às 17:00. Atualizado em: 29 de outubro de 2015 às 14:57.

Tags: gavetas, historias, paixoes, aluska,

Sétimo capítulo de "Paixões de Aluska", da colunista Nuna Costa

Olá pessoal

 

Quase dois meses sem postar na Penteadeira Poética por motivos de força maior, desculpinha! Mas, segue capítulo novo de “Paixões de Aluska”, para você saberem o que essa brasileira descobriu na França!

 

Para quem não acompanho a história desde o início, segue a sequência dos capítulos: capítulo 1capítulo 2, capítulo 3capítulo 4, capítulo 5 e capítulo 6.

 

Divirtam-se!

 

Nuna Costa

 

nuna-costa@hotmail.com

 

Sexta, 17 – 01 – 1998

 

Fim da depressão pós-término. Há algumas semanas descobri coisas nessa cidade que me renovaram a vontade de sorrir e viver. Os projetos que venho traduzindo são espetaculares. É difícil escolher meu preferido. Permiti-me conhecer meus colegas de trabalho.

 

Mademoiselle Nouveau é uma simpática mulher casada de 43 anos, dois filhos de 11 e 16 anos e um marido que trabalha numa financeira. Em uma tarde que conversamos me contou toda sua vida. Fascinante! Vou almoçar em sua casa de campo esse domingo. Descobri o nome da secretária, Julliet. Ela me garantiu que encontrou seu Romeo. Não quis desanimá-la. Não é porque a minha vida amorosa é uma merda que a das outras pessoas tem que ser ou serão.

 

Andrew Neville, 23 anos, dois anos mais novo que eu. Tem muitas "amigas" se é que eu posso defini-las assim. Ele trabalha na mesa ao meu lado, ou seja, conversar sempre, trabalhar nunca. Mentira. É que desde a primeira vez que me permiti conversar e conhecer as pessoas com quem trabalho, ele se tornou uma espécie de irmão caçula que eu nunca tive. Almoçamos juntos todos os dias. Consegui levá-lo ao meu bistrô favorito. E ele me prometeu servir-se de guia turístico no fim de semana depois de almoçar com Nouveau. Vamos ao Louvre e outros pontos em Paris. Já sei de todas as suas garotas. Ele sabe de toda minha desilusão amorosa.

 

Acho que Alguém ai em cima quer me deixar feliz!

 

Último acontecimento não menos importante que os outros. Meu novo chefe. Alto. Olhos castanhos. Parisiense de pele negra, sorriso encantador. Deu a entender essa manhã que sou uma mulher digamos interessante, ele tem um pequeno defeito. É casado.

 

Eu não dou sorte, né meu Deus?

Deixe seu comentário



Assista aos programas