Show resgata cultura divinopolitana dia 25

Por Jessica Riegg Publicado em: 17 de maio de 2018 às 10:49.

Tags: show, resgata, cultura, divinopolitana,


 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
A cantora Maíra Manga, que vem se destacando com seu trabalho de intérprete no cenário da música mineira, apresenta um show inédito em Divinópolis em homenagem ao artista divinopolitano: Célio Manga. Célio foi cantor, compositor e artista plástico deixou um grande legado artístico, com sua obra musical e com suas esculturas em miniatura, sendo que a maioria dessas obras retrata importantes cartões-postais da cidade de Divinópolis, como o Santuário de Santo Antônio, o museu da cidade, a antiga Primeira Igreja Batista, o Convento Franciscano, etc. 
 
 
 
Esse evento, será parte da programação cultural em comemoração aos 106 anos de Divinópolis, sendo de extrema importância resgatar e dar voz aos
artistas da cidade, para manter em movimento o que temos de mais valioso: nossa rica cultura local.
 
Nesse show, a cantora Maíra Manga estará acompanhada pelo violonista André Milagres. E nesse formato intimista de voz e violão, serão relembradas canções de autoria de Célio Manga, que marcaram épocas importantes e são permeadas pelas temáticas da nossa cidade, resgatando histórias de Divinópolis, como por exemplo, as músicas: GTO, Avenida Independência (atual Avenida Antônio Olímpio de Morais) - música que dá título ao CD autoral lançado por Célio Manga no ano de 2003 - e até mesmo o hino da cidade, que Célio regravou em seu disco com uma releitura bastante original.
 
 
 
As obras de Célio Manga estarão expostas no evento, para que o público possa conhecer mais de perto seu trabalho como artista plástico também. 
 
 
 
foto: Lu Gontijo
 
MAÍRA MANGA
 
 

Maíra Manga dedica-se ao trabalho de pesquisa e interpretação da canção popular brasileira. A cantora, filha do compositor Célio Manga, teve a música sempre muito presente em casa e cantar sempre fez parte de sua alma.

Aos 18 anos, Maíra deu início aos seus estudos formais, dentro do universo da música erudita e estudou canto lírico no Centro de Formação Artística da Fundação Clóvis Salgado, em Belo Horizonte. Posteriormente ingressou ao curso de Licenciatura em Canto pela UFG.

Em contato com a música erudita, teve seu leque musical bastante ampliado, mas sempre com profunda paixão e compromisso para com a música popular brasileira, conciliou seus estudos com uma pesquisa pessoal de sonoridades e repertórios diversos.

 

 

Participou de oficinas de canto ministradas por importantes intérpretes da música brasileira, entre elas: Rosa Passos e Mônica Salmaso, e também pela cantora portuguesa Maria João.

Atuou como membro do Coro Sinfônico de Goiânia e como solista do Coro de Câmara da EMAC/UFG.

Em maio de 2016, apresentou em Divinópolis no Teatro Gravatá, o show "Passarinhadeira", ao lado dos músicos André Milagres e Lucas Ladeia e contou com a participação dos cantores divinopolitanos Anthonio e Célio Manga.

Em julho de 2016, apresentou-se em Montevideo (Uruguai), no Centro Cultural Vissi D´art, onde fez um show dedicado à música brasileira, com canções de: Guinga, Tom Jobim, entre outros célebres compositores na nossa música popular brasileira.

Em outubro de 2016, apresentou o show "Abrindo o Caminho" em Belo Horizonte no Cine Theatro Brasil Vallourec, e recebeu a participação especial do cantor e compositor Sérgio Santos. Esse mesmo show, foi apresentado em novembro de 2016 no Teatro Gravatá , em Divinópolis.

Deixe seu comentário



Assista aos programas